Veja os bastidores da traição de Marcelo Courrege com a madrinha de sua ex e entenda a polêmica

Marcelo Courrege e Carol Barcellos tornaram-se o centro das atenções nas redes sociais nesta terça-feira (13/2) ao oficializarem o namoro com uma foto no Instagram durante o desfile do Grupo Especial na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro. Até aí, parece apenas mais um casal, não é mesmo? Mas a história vai além…

Para quem está por fora da polêmica e se pergunta sobre a ligação de Renata Heilborn com o novo casal, prepare-se, porque essa fofoca já está sendo considerada a mais comentada do Carnaval 2024.

Logo após o anúncio do namoro de Marcelo e Carol, internautas lembraram que a repórter foi madrinha do casamento de Marcelo com Renata Heilborn, também ex-repórter da Globo entre 2014 e 2023.

Diante das críticas recebidas, Carol decidiu bloquear os comentários em sua foto ao lado do namorado, sendo seguida por Marcelo. Antes disso, ela interagiu com seguidores, respondendo a críticas sobre seu relacionamento com o jornalista.

Questionada sobre o motivo de demorar para confirmar o namoro, Carol explicou: “Caminhos da vida”. Uma fã comentou: “E confirmaram a fofoca que saiu meses atrás”, relembrando a matéria divulgada por Fábia Oliveira, do Metrópoles, alguns meses atrás.

“Amor. E não fofoca”, disparou Carol. Não satisfeitos, internautas resgataram comentários de Barcellos nas fotos do ex-casal.

Marcelo Courrege e Carol Barcellos/Reprodução

“Como é bom assistir à cumplicidade e parceria de vocês. São mais livres juntos. Mais fortes. Até mais bonitos ficam. Tenho amor e torço muito pela felicidade de vocês”, diz um deles. “Amo a parceria de vocês”, comentou ela em outra, sendo respondida por Renata: “E a gente te ama, amiga”.

Renata se pronuncia

Renata não ignorou a situação e interrompeu brevemente as celebrações de Carnaval para abordar a controvérsia. Através de suas publicações no Instagram Stories, ela afirmou ter sido traída por Marcelo com Carol e revelou que o jornalista se mudou para morar com a amante logo após o divórcio.

“Fui casada durante 10 anos — no total foram 12 anos de relacionamento. Primeiro ponto: meu casamento não era aberto. Que isso fique muito claro. Segundo: descobri da pior forma possível que meu ex-marido tinha um caso com uma amiga minha — madrinha do meu casamento”, iniciou.

Além de apontar que vivia uma crise na relação com Marcelo, Renata disse: “Depois que eu descobri [a traição], numa manhã de sexta-feira, saí de casa, e ele foi morar na casa dela e viver sua ‘paixão’”.

“Eu demorei pra ficar bem, pra me refazer da decepção. De imediato, comecei a me culpar porque abri minha intimidade para uma pessoa que julgava minha amiga. A traição de um amigo abre um buraco muito mais profundo. Mas não era uma opção parar de viver. Eu não merecia isso”, desabafou.

A jornalista garantiu estar bem e considera “um livramento”: “Perdi o medo, o trauma ficou, e hoje eu só agradeço. Como todo mundo que esbarra comigo diz: ‘foi livramento’. Foi, sim. Daqueles enormes. E hoje eu só agradeço.”

Com informações de Metrópoles

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading