Trump vence primárias do Partido Republicano na Carolina do Sul

O ex-presidente Donald Trump deu mais um passo rumo a tentativa de reconquistar o comando da Casa Branca. Neste sábado, 24, ele venceu as primárias do Partido Republicano no Estado norte-americano da Carolina do Sul.

Na disputa interna dos republicanos pela indicação de quem irá enfrentar o atual presidente dos Estados Unidos, o democrata Joe Biden, Trump voltou a superar a sua única oponente neste momento das prévias: Nikki Haley.

De acordo com as estimativas de rede norte-americana Fox News, Trump conquistou cerca de 61% dos votos das primárias da Carolina do Sul. Nikki alcançou aproximadamente 39%.

Para Nikki Haley, o resultado nas primárias deste sábado representam uma derrota “dentro da própria casa”. Ex-deputada e ex-embaixadora dos EUA na Organização das Nações Unidas, ela foi governadora da Carolina do Sul de janeiro de 2011 a janeiro de 2017.

Nas primárias de hoje, 50 delegados estavam em jogo pela indicação do Partido Republicano para a disputa presidencial. Com a vitória em votos absolutos no Estado, Trump conquistou 29 delegados. Houve ainda a distribuição dos outros 21 conforme os resultados nos distritos — com o ex-presidente levando a melhor em todos, segundo as projeções.

É preciso somar 1.215 delegados para conquistar o direito de representar os republicanos na eleição para presidente dos EUA. Até agora, nessa disputa interna, o ex-presidente tem 113 delegados. Nikki soma apenas 17, conforme registra o site do canal CNN Brasil.

Com o placar deste sábado, Trump soma a quinta vitória sobre Nikki Haley. Ele levou a melhor em todas as prévias que já ocorreram. O ex-presidente venceu as primárias dos Estados de Iowa, Nevada e, agora, Carolina do Sul. Além disso, recebeu mais votos nas Ilhas Virgens Americanas, território dos EUA localizado no Caribe.

Novamente Trump X Biden?

biden e trump
Joe Biden e Donald Trump podem disputar eleição para Presidência dos EUA, neste ano | Foto: Divulgação/Casa Branca

Com a vitória nas primárias da Carolina do Sul, Donald Trump amplia o favoritismo para representar o Partido Republicano na eleição presidencial dos EUA, que está programada para 4 de novembro. Caso conquiste o número necessário de delegados, ele deverá enfrentar — mais uma vez — Joe Biden.

Atual presidente norte-americano, Biden venceu o duelo com Trump na disputa de 2020. Na ocasião, o democrata conquistou 306 votos do colégio eleitoral, enquanto o seu adversário ficou com 232.

“Nunca vi o Partido Republicano tão unido”

Donald Trump

Para este ano, Trump demonstra entusiasmo para buscar um resultado diferente. Ao vencer as prévias do Partido Republicano na Carolina do Sul, ele comemorou.

“Foi mais cedo do que prevíamos e maior do que prevíamos”, disse Trump, sobre o resultado no Estado localizado na costa sudeste dos EUA. “Nunca vi o Partido Republicano tão unido como agora.”

E mais: “Trump vem aí”, por Rodrigo Constantino

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies