Soldados de Israel se disfarçam de médicos e matam terroristas do Hamas em hospital

As Forças de Defesa de Israel (FDI) anunciaram, nesta terça-feira, 30, que soldados israelenses mataram três indivíduos ligados ao grupo Hamas que estavam escondidos no hospital Ibn Sina, em Jenin, no norte da Cisjordânia. Os soldados israelenses se disfarçaram de médicos e civis para entrar na unidade hospitalar.

Em nota, as FDI afirmaram que um dos indivíduos mortos é Mohammed Jalamneh, envolvido em atividades terroristas e com contatos na sede do Hamas. Segundo os militares, Jalamneh transferiu armas e munições para terroristas com o objetivo de “promover ataques a tiros e planejou um ataque inspirado no massacre de 7 de outubro”. 

+ Vídeo: líder do Hamas admite que 7 de outubro ‘renovou as esperanças’ de destruir Israel

Os outros mortos são Mohammed Ghazawi “do Campo de Jenin, um operativo terrorista das Batalhões de Jenin envolvido em vários ataques contra soldados do FDI”, e Basel Ghazawi, irmão de Mohammed, um “agente da organização terrorista Jihad Islâmica envolvido em atividades terroristas na área”. 

As FDI não divulgaram detalhes sobre a forma como os três foram mortos. O comunicado revelava que Jalamneh portava uma pistola, no entanto, não se mencionou nenhum confronto armado.

De acordo com as Forças de Israel, os procurados se “escondem em hospitais e os utilizam como base para planejar atividades terroristas e realizar ataques”. 

Forças de Defesa de Israel eliminam terroristas

Soldado de Israel em Gaza
Forças de Defesa de Israel operam para neutralizar membros do Hamas | Foto: Reprodução/X/@hnafitali

Em 23 de janeiro, as FDI relataram novos ataques contra um posto avançado do Hamas; o alvo se encontrava na cidade palestina de Khan Yunis, situada ao sul da Faixa de Gaza. Os combatentes da Brigada Givati eliminaram dezenas de terroristas na região.



Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies