Saiba Como Aposentados Podem Ficar Isentos do Imposto de Renda

Se você é aposentado e está se questionando se precisa pagar Imposto de Renda (IR), fique tranquilo. Neste artigo, vamos desvendar todas as dúvidas e explicar as condições que permitem a isenção deste imposto, com base nos critérios da Receita Federal. Entender as leis fiscais pode parecer complexo, mas não é. Então, vamos lá.

No período de acerto de contas com o Leão, várias incertezas podem surgir, especialmente sobre a necessidade ou não de declarar e pagar o IR. Não confunda o pagamento do IR e a contribuição ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Embora pareçam similares, são obrigações diferentes, com destinações diversas. Fique atento para não pagar duas vezes.

Quais as diferenças entre INSS e IR?

O INSS é a contribuição previdenciária, destinada ao Regime Geral de Previdência Social. Caso o aposentado opte por continuar trabalhando, a taxa do INSS será cobrada apenas sobre o salário, e não sobre a aposentadoria.

Já o IR é o Valor recolhido pela Receita Federal para tributar a renda do aposentado. Este imposto auxilia a equilibrar as diferenças das faixas de ganhos e financiar políticas públicas.

Então, aposentado paga INSS e IR?

A resposta é sim, em algumas situações. A contribuição previdenciária é recolhida apenas se o aposentado continuar trabalhando. Enquanto o imposto de renda pode ser cobrado dependendo da faixa de renda do aposentado e da presença de alguma doença grave definida pela Lei 7.713/1988.

No geral, aposentados pagam Imposto de Renda. Entretanto, existem algumas situações que permitem a isenção do pagamento de IR, como possuir 65 anos ou mais e estar dentro de certas faixas de renda, ou ser portador de alguma doença grave especificada pela lei. Caso você receba até R$ 1.903,98 mensais, independente da sua idade, estará isento de pagar Imposto de Renda.

Possuo mais de 65 anos, preciso pagar Imposto de Renda?

Se você tem mais de 65 anos e sua renda mensal é de até R$ 3.807,96, seja apenas de aposentadoria ou somando com outras fontes, não precisa pagar Imposto de Renda. Esta é uma dupla isenção concedida pela legislação: uma pelo Valor de renda e outra pela idade.

Mas, atenção! Se você continuar trabalhando após se aposentar e a soma de seu salário e aposentadoria ultrapassar R$ 3.807,96, será necessário pagar o IR, independentemente da idade.

E se eu me aposentei por causa de uma doença grave?

Aposentados por causa de doenças consideradas graves pelo Ministério da Saúde e pela Receita Federal estão isentos do pagamento de Imposto de Renda. Para solicitar a isenção por doença grave, será necessário apresentar um laudo médico oficial atestando sua condição de saúde e realizar um pedido oficial através do INSS.

O imposto de renda de aposentados é retido diretamente dos rendimentos pagos pelo INSS. Ou seja, você já recebe o Valor da aposentadoria com o imposto devido descontado, facilitando o cumprimento das obrigações fiscais. Entretanto, é importante destacar que, mesmo com essa retenção na fonte, ainda é necessário enviar a declaração anual de IR à Receita Federal.

Esperamos ter esclarecido todas as suas dúvidas sobre o pagamento de imposto de renda para aposentados. Fique atento às atualizações das leis fiscais e consulte um profissional especializado sempre que necessário.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading