Safra de grãos vai ser menor na maioria dos Estados

A maior parte dos Estados brasileiros vai colher uma safra de grãos menor em 2024, quando comparada ao ciclo anterior. A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou as projeções nesta quinta-feira, 9.

Apenas o Distrito Federal e sete Estados (Amazonas, Ceará, Pará, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Roraima) terão aumento da safra em 2024. Nessa lista, somente os gaúchos estão entre os maiores produtores do país.

Principais Estados produtores reduzem a safra

A retração é a primeira depois de dois anos seguidos de recordes de colheita. De modo geral, a produção vai cair cerca 1,5%. No Mato Grosso e no Paraná, os dois Estados com as maiores produções de grãos do Brasil, a queda será de 7,2% e 5,4%, respectivamente.

De acordo com a Conab, o Mato Grosso vai colher 7,3 milhões de toneladas a menos. No Paraná, a redução eliminou 2,5 milhões de toneladas. A parada deles somada. Considerando todo o país, a queda deve resultar em 4,7 milhões de toneladas a menos.

Da redução, se destaca a perda no milho. Trata-se da segunda maior cultura do agronegócio brasileiro. A redução é estimada em 12,7 milhões de toneladas, resultado 10% menor que o alcançado no ciclo de 2023.

Entre as causas para o resultado, a Companhia cita “volumas precipitações” — chuvas — que teriam comprometido o primeiro plantio em muitas regiões do país.

Em contrapartida, a colheita de soja, carro-chefe da agricultura nacional, deve continuar crescendo. Em 2024, a cultura passará pelo segundo ano seguido de recorde de produção no Brasil. Serão 162 milhões de toneladas, segundo a Conab.

A soja é o carro-chefe do agronegócio brasileiro | Foto: Jefferson Aleffe/FAEB

Contudo, os dois Estados com as maiores produções do país — Mato Grosso e Paraná — terão safras menores.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies