Preços ao produtor no Brasil caíram 4,98% em 2023

Segundo dados divulgados nesta quinta-feira (1) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Índice de Preços ao Produtor (IPP) brasileiro mostrou queda de 0,18% em dezembro na comparação ao mês anterior. Assim, o dado fechou o ano de 2023 com recuo de 4,98%.

Essa variação negativa é a mais intensa acumulada em um encerramento de ano desde o início da série histórica, no ano de 2014. Em 2022, o IPP brasileiro teve alta acumulada de 3,16%.

As atividades que, no último mês de 2023, sofreram com as maiores variações no acumulado no foram outros produtos químicos (-17,25%), refino de petróleo e biocombustíveis (-15,45%), papel e celulose (-15,23%).

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading