conecte-se

Notícias do Piauí

Polícia Federal cumpre 44 mandados contra o tráfico de drogas e armas no Piauí

Todos os mandados foram expedidos pela Justiça do Piauí, nas cidades de Teresina, Parnaíba, Regeneração, São Pedro, Monsenhor Gil, além de Caxias, no Maranhão. Foram apreendidos veículos, celulares, balanças de precisão, anotações de contabilidade referente ao tráfico de drogas e documentos.

Published

on

A Polícia Federal realizou na manhã desta terça-feira (31), a Operação Fronteira Sul, com o objetivo de cumprir 44 mandados judiciais no Piauí e Maranhão, sendo 28 de busca e apreensão e 16 de prisão contra uma organização criminosa que atua no tráfico interestadual de drogas e armas no estado do Piauí. A PF ainda não informou quantos foram presos. Pelo menos R$ 5 milhões foram resgatados na ação, em bloqueio e sequestro de bens.

Todos os mandados foram expedidos pela Justiça do Piauí, nas cidades de Teresina, Parnaíba, Regeneração, São Pedro, Monsenhor Gil, além de Caxias, no Maranhão. Foram apreendidos veículos, celulares, balanças de precisão, anotações de contabilidade referente ao tráfico de drogas e documentos.

A Polícia Federal informou que as investigações tiveram início em junho de 2022, com a prisão em flagrante de um homem que conduzia um caminhão carregado de 255 Kg de maconha e três quilos de cocaína na capital do estado. 

“O inquérito policial constatou que o principal comprador da droga seria um dos líderes de facção criminosa que atua no litoral piauiense e seria responsável pelo envio e distribuição dos entorpecentes na região de Parnaíba”, informou a PF.

Com a investigação a Polícia Federal conseguiu identificar outros integrantes do grupo criminoso, resultando na prisão de outras duas pessoas pelo crime de tráfico de drogas durante as investigações, antes mesmo da deflagração da Operação Fronteira Sul. 

Advertisement

“Com isso, ficou evidente que o material ilícito transportado de São Paulo e do Centro Oeste do Brasil, era comercializada na região meio norte”, destacou a PF.

Os investigados deverão responder pelos crimes tráfico de drogas, associação para o tráfico e comércio ilegal de armas de fogo, e após serem interrogados na sede da Polícia Federal em Teresina, serão encaminhados ao sistema prisional, estando à disposição da Justiça Estadual.

O nome da operação foi denominada de Fronteira Sul em virtude da rota do tráfico utilizada pelos criminosos para adentrar no estado do Piauí. A ação contou com a participação de mais de 100 policiais federais, com apoio do canil da Polícia Militar do Piauí e da Polícia Civil do Maranhão.

Advertisement
Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement