O novo “happy hour” de Lula com líderes do Senado no Palácio da Alvorada

Na noite de terça-feira (5), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) promoveu um novo encontro informal com aliados e ministros do governo, em uma espécie de “happy hour”. Dessa vez, Lula recebeu o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), juntamente com senadores da base governista. O evento ocorreu no Palácio da Alvorada, a residência oficial da Presidência da República, e teve duração aproximada de duas horas.

Ministros do governo também estiveram presentes:

  • Alexandre Padilha (Relações Institucionais);
  • Fernando Haddad (Fazenda);
  • e Paulo Pimenta (Comunicação Social).

A reunião informal teve como propósito restabelecer a articulação com líderes partidários visando à aprovação de temas governamentais no Congresso Nacional, ao mesmo tempo em que buscava fortalecer os laços com os parlamentares.

No último mês, o político do Partido dos Trabalhadores realizou uma ação semelhante com a Câmara dos Deputados.

Antes do início do evento, Alexandre Padilha afirmou que, da mesma forma que ocorreu com os deputados, o presidente não abordaria pautas específicas durante o encontro desta terça-feira.

“No happy hour, se conversa sobre tudo. Do Corinthians a emendadas [parlamentares]. Não é reunião pra falar sobre temas específicos. É um encontro de agradecimento”, disse Padilha.

Padilha preparou, no entanto, uma agenda apresentada aos convidados, em que abordou diversas medidas que “requerem prioridade no começo deste ano legislativo”.

Entre elas:

  • a medida provisória (MP) 1206 que trata do imposto sobre a Renda da Pessoa Física;
  • a medida sobre a reoneração da folha de pagamento (MPs 1202 e 1208);
  • a MP 1205 que instituiu o Programa Mobilidade Verde e Inovação (Mover);
  • e a medida que reestrutura algumas carreiras do Poder Executivo Federal (MP 1203).

Com informações de CNN

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies