conecte-se

Brasil em Pauta

Moro: ‘Não tem corrupto preso no Brasil hoje’

Moro também disse que é preciso “resgatar a verdade” na oposição ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Ele ainda acrescentou que as investigações pararam porque os procuradores passaram a ser perseguidos e repreendidos com processos disciplinares.

Published

on

Sergio Moro (União Brasil-PR) disse neste sábado, 4, que hoje “não tem um corrupto preso no Brasil”. O ex-juiz da Lava Jato lamentou o que fizeram com a operação e também fez críticas ao governo Lula.

“O que eles mataram foi o combate à corrupção”, disse ele. As declarações foram feitas durante o 8º Congresso Nacional do MBL (Movimento Brasil Livre).

Moro também disse que é preciso “resgatar a verdade” na oposição ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Ele ainda acrescentou que as investigações pararam porque os procuradores passaram a ser perseguidos e repreendidos com processos disciplinares.

Advertisement

Moro reclama que corruptos tentam “reescrever a história”

moro 2

O senador também disse que há um esforço para  “reescrever a história para dizer que ladrão não é ladrão e que a Petrobras não foi roubada”. “A gente não pode esquecer o que aconteceu nesse país. Porque, hoje, se a gente for esquecer, nós estamos perdendo essa guerra.”

O ex-juiz palestrou em uma mesa com o título de “Moro Reage”, defendendo o legado da Lava Jato. O congresso foi feito no Parque da Mooca, em São Paulo. Os ingressos foram vendidos a partir de R$ 250 e chegaram a R$ 1 mil no acesso vip.

Moro também disse que “se você não for chamado de fascista por esse pessoal, você está fazendo alguma coisa errada.” De acordo com o jornal O Globo, Sergio Moro também disse para o público se manter vigilante diante do risco de “perder nossas liberdades fundamentais”.

O Movimento Brasil Livre foi criado em 2014 para apoiar a Operação Lava Jato. Ele vem passando por crises nos últimos anos, como quando áudios do deputado estadual cassado Arthur do Val sobre as mulheres ucranianas vazaram na mídia.

Advertisement
Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement