Milei chama deputados de ‘criminosos’ por rejeição à ‘Lei Ônibus’

Nesta quarta-feira, 7, o presidente da Argentina, Javier Milei, chamou os deputados de oposição de ‘criminosos’ depois que a “Lei Ônibus” foi rejeitada. A lei teve de retornar à fase inicial de tramitação no Parlamento argentino.

A declaração foi feita em um encontro com empresários em Jerusalém, capital de Israel. O evento foi organizado pela Fuente Latina, noticiário em espanhol sobre o Oriente Médio. 

“É um dia bastante interessante para falar sobre a Argentina, porque ontem, na sessão da Câmara dos Deputados, a casta política, como chamamos esse grupo de criminosos que querem uma Argentina pior porque não estão dispostos a abrir mão de seus privilégios, começou a rasgar nossa lei em pedaços”, disse Milei.

Milei diz que “Lei Ônibus” não é seu único projeto econômico

Milei também disse que “progressistas de esquerda” aumentam o número de pobres na Argentina | Foto: Reprodução/YouTube/Javier Milei

O presidente argentino também chamou os parlamentares de “lobos em pele de cordeiro” e “traidores” dos eleitores argentinos. “Prefiro que não saia nada do que uma lei ruim que continue a defender políticos corruptos”, disse ele.

Milei também disse que “progressistas de esquerda” aumentam o número de pobres na Argentina. “É como o rei Midas, mas ao contrário: o rei Midas transformava em ouro tudo o que tocava, tudo o que um esquerdista toca se transforma em pobreza.”

O chefe do Executivo argetino também disse que o programa econômico não está limitado à “Lei Ônibus”. E que planeja aprofundar as reformas estruturais e revogar decretos antigos que caíram em desuso por causa da modernidade, segundo o portal Poder360.

Em sua conta pessoal no Twitter/X, Milei compartilhou a lista de deputados que foram contra seu projeto publicado por seu perfil oficial como presidente da República. “Aqui está a lista dos leais e dos traidores que usaram o discurso da mudança para poder roubar um banco”, disse Milei. Ele também os chamou de “inimigos de uma Argentina melhor”.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading