Lula está de “Bico torcido” com Lira; Entenda

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores (PT), indicou aos deputados aliados que só considerará uma reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, do Progressistas (PP-AL), quando este estender uma “bandeira branca”.

Lula ficou incomodado com o discurso proferido por Lira durante a retomada dos trabalhos legislativos, em que o parlamentar expressou sua insatisfação com a articulação política do Palácio do Planalto.

Lira alega que houve quebra de acordos por parte do Palácio do Planalto, primeiro com o veto de R$ 5,6 bilhões em emendas de comissão e, posteriormente, com o fim dos benefícios fiscais concedidos a igrejas e pastores.

Diante do clima tenso, Lula avalia que o momento não é propício para um encontro. Segundo informações da CNN, o presidente tem enfatizado que não deseja se reunir com Lira apenas para ouvir queixas sobre os ministros de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e da Saúde, Nísia Trindade.

Além disso, Lula pretende aguardar uma definição mais clara das votações no Congresso Nacional antes de marcar uma reunião. O presidente planeja passar o Carnaval fora de Brasília e realizará uma viagem à África na próxima semana. A intenção é agendar o encontro com Lira no final de fevereiro ou início de março.

Com informações de CNN

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies