Leandro Hassum quebra silêncio, se desculpa com Marcius Melhem e defende ex-colega

O ator Leandro Hassum decidiu defender Marcius Melhem, acusado de assédio por várias atrizes da Globo. Durante uma entrevista ao ex-colega de emissora, para comemorar os 15 anos da série Os Caras de Pau, o comediante se desculpou com o colega por comentários que fez e criou polêmica ao pedir que outros humoristas façam o mesmo que ele.

“Botem a mão na cabeça e repensem muitas coisas que vocês estão falando”, pediu. “Eu acho que sei que tenho o meu lugar de brilho, eu sei que tenho o meu lugar nessa história toda, mas seria injusto eu não dizer para vocês”, prosseguiu Leandro Hassum.

“O quanto o humor contemporâneo, o quanto eu, o quanto todos esses que vocês viram passar por aqui, e muitos outros que não estão aqui, e muitos outros que não são gratos, e muitos que não reconhecem, devem a história, devem ao talento, ao profissionalismo, a cobrança, a dureza, às vezes até chatice de Marcius Melhem”, disparou o comediante.

Na sequência, Leandro Hassum defendeu Melhem e afirmou que o humorista faz falta naTV. “Eu digo isso publicamente aqui. O Marcius Melhem faz falta no humor brasileiro, o Marcius Melhem faz falta na comédia. O Marcius Melhem é um dos maiores roteiristas de humor, não da nova geração, porque já está mais velho do que eu, bem mais velho do que eu, mas é um dos maiores roteiristas de humor desse país”, afirmou o ex-ator da Globo.

Foto do ator Marcius Melhem
Marcius Melhem é acusado de asssédio por atrizes da Globo | Foto: Reprodução/YouTube

Ainda na entrevista, Leandro Hassum aproveitou para detonar aqueles estão contra Melhem e se desculpar com ele. “Pra quem tá sendo injusto, ingrato, babaca, filho da p**a e mentiroso, rebobine a cabecinha, repense e volte a fita da sua vida, porque esse trabalho eu também fiz e tenho humildade para falar isso aqui hoje”, afirmou o comediante.

“Reconheça que talvez você não esteja sendo justo. Por isso peço desculpas”, afirmou o ator, cobrando para que outros humoristas façam o mesmo. “Não precisa inventar e nem elogiar. O dia que tive que criticar ele, coloquei uma máscara e fui na casa dele em plena pandemia conversei com ele como homem que sou. Botem a mão na cabeça e repensem muitas coisas que vocês estão falando”, concluiu.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading