Governo Lula paga quase R$ 200 milhões a construtora acusada de desvio de dinheiro

Sem processo de licitação, o governo Lula contratou a LCM Construção e Comércio para tocar seis obras do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). O dono da empreiteira, Luiz Otávio Fontes Junqueira, receberá R$ 196 milhões pelos serviços. Ele é alvo de investigação do Ministério Público Federal (MPF) por desvios de recursos.

Junqueira tornou-se réu em processo por improbidade administrativa e superfaturamento de obras na construção de um hospital em Santarém, no Pará. O prejuízo aos cofres públicos foi de R$ 1,8 milhão.

Em 2011, o empresário foi mais outra vez acusado de improbidade pelo MPF, no Tocantins, por um rombo de R$ 4,8 milhões em uma obra do DNIT.

Ainda assim, o empresário foi escolhido 29 vezes pelo governo Lula para construir obras públicas.

Somando com as ocasiões em que participou de licitações, a LCM recebeu da atual gestão um total de R$ 1,5 bilhão. O montante é quatro vezes maior do que todos os 27 contratos da empresa firmados nos quatro anos do governo Bolsonaro.

Obras em seis Estados 

Em Pernambuco – onde o governo Lula não concluiu, depois de 17 anos e mais de R$ 6 bilhões, as obras da Transnordestina – a LCM será responsável pela duplicação da BR-423, no Agreste do Estado. Nesta quarta-feira, 8, o presidente Lula participou da cerimônia de lançamento da obra.

Enquanto passa por investigação pelo Ministério Público Federal, Luiz Otávio Fontes Junqueira também toca, sem concorrência pública, a BR-226 e a BR-316, no Maranhão, por R$ 79,5 milhões, além da BR-280 e da BR-470, ambas em Santa Catarina, R$ 97,9 milhões.

A LCM comanda ainda obras no Amazonas (R$ 8,2 milhões), em Rondônia (R$ 7,9 milhões) e no Rio de Janeiro (R$ 2,7 milhões).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies