Governo argentino ameaça interromper exportações de combustível em meio à crise de abastecimento 

O ministro da Economia da Argentina e candidato à presidência, Sergio Massa, ameaçou interromper as exportações de combustível caso as petroleiras não resolvam a crise de abastecimento nos postos até à meia-noite desta terça-feira, 31.

Em entrevista coletiva à imprensa, o ministro disse que, se o prazo não for cumprido, as empresas não vão poder enviar combustível para outros países. Ele as acusa de armazenar gasolina e diesel.

“O petróleo argentino é para os argentinos”, disse Massa. “Vou defender o abastecimento interno, vou defender o consumo dos argentinos.”

A Argentina congelou no início de outubro o preço dos combustíveis em todo o país, o que gerou uma crise e escassez do produto nos postos. Os argentinos têm feito filas para abastecer os veículos.

Além disso, o país também enfrenta problemas de refino interno e falta de dólares, que atrasou as importações.

Segundo representantes do setor, as refinarias internas não têm mais capacidade de processamento. Também não é possível pagar pelas importações, pois o Banco Central não teria mais dólares para efetuar o pagamento.

A falta de combustível começou na semana passada, depois do primeiro turno das eleições e desvalorização do peso, a moeda argentina.

Congelamento fixa preço muito abaixo do custo

O governo tenta diminuir a inflação, que atingiu 140% neste ano. Para isso, congelou o preço do petróleo em US$ 56. No entanto, o valor praticado no mercado internacional é superior, em torno de US$ 86, impossibilitando a importação de produtos.

Eleição

O ministro da Economia do governo peronista vai disputar o segundo turno das eleições contra o candidato liberal Javier Milei. O governista aparece como líder da corrida nas pesquisas.

O segundo turno está marcado para acontecer em 19 de novembro.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading