conecte-se

Benefícios Sociais

FIM DE ANO no Bolsa Família: Confira valores extras e os calendários de novembro e dezembro

Descubra como o Bolsa Família pode fornecer uma renda extra durante os meses de novembro e dezembro. Saiba quem tem direito, os valores e o calendário de pagamentos. Entenda as regras e obrigações para se beneficiar deste programa de apoio social.

Published

on

Descubra uma vez que o Bolsa Família pode fornecer uma renda extra durante os meses de novembro e dezembro. Saiba quem tem recta, os valores e o calendário de pagamentos. Entenda as regras e obrigações para se beneficiar deste programa de base social.

Com o termo do ano chegando, muitas famílias beneficiárias do programa Bolsa Família estão ansiosas para saber se poderão recontar com uma renda extra nos meses de novembro e dezembro. O Bolsa Família é um programa do Governo Federalista que visa facilitar famílias em situação de vulnerabilidade social, proporcionando um suporte financeiro mensal para prometer as necessidades básicas.

Neste cláusula, vamos abordar todos os valores extras que podem ser recebidos através do Bolsa Família durante o termo do ano, muito uma vez que apresentar o calendário de pagamentos para os meses de novembro e dezembro.

Advertisement

Entenderemos também as regras e critérios para se tornar elegível ao programa e quais são as obrigações que os beneficiários devem executar. Vamos submergir nesse objecto tão importante e esclarecedor!

Quem tem recta ao Bolsa Família?

O Bolsa Família é talhado a famílias que possuam uma renda mensal de até R$ 218 por pessoa. Isso significa que a soma das rendas de todos os integrantes da família, dividida pelo número de pessoas, deve ser menor que esse valor.

Por exemplo, se uma mãe solteira com três filhos pequenos trabalha uma vez que diarista e ganha R$ 800 por mês, essa renda seria dividida por quatro pessoas, resultando em R$ 200, que é menor que o limite estabelecido. Nesse caso, essa família teria recta a receber o Bolsa Família.

Advertisement

Valores pagos pelo Bolsa Família

As famílias beneficiárias do programa podem receber diferentes valores, de entendimento com sua formação e situação. Cada integrante do grupo familiar tem recta a um favor de R$ 142, o que é válido para todos os beneficiários. Ou por outra, há outros valores adicionais que podem ser acumulados, uma vez que:

  • R$ 600 de parcela fixa, garantida a todas as famílias beneficiadas;
  • R$ 150 adicionais para cada garoto de até 6 anos;
  • R$ 50 adicionais para crianças com mais de 7 anos e jovens com menos de 18 anos, gestantes e mulheres que estejam amamentando.

É importante ressaltar que esses valores são cumulativos e o governo tem a obrigação de corrigi-los, no supremo, em dois anos. Os pagamentos do novo Bolsa Família começaram em março, com um valor médio de R$ 670.

Calendário do Bolsa Família de novembro

Para que os beneficiários possam se programar, é principal saber o calendário de pagamentos do Bolsa Família. Confira aquém as datas de pagamento para o mês de novembro, de entendimento com o final do NIS (Número de Identificação Social):

  • NIS com final 1 – 17/11/2023;
  • NIS com final 2 – 20/11/2023;
  • NIS com final 3 – 21/11/2023;
  • NIS com final 4 – 22/11/2023;
  • NIS com final 5 – 23/11/2023;
  • NIS com final 6 – 24/11/2023;
  • NIS com final 7 – 27/11/2023;
  • NIS com final 8 – 28/11/2023;
  • NIS com final 9 – 29/11/2023;
  • NIS com final 0 – 30/11/2023.

Calendário do Bolsa Família de dezembro

Para o mês de dezembro, as datas de pagamento do Bolsa Família são as seguintes:

  1. NIS final 1: 11 de dezembro;
  2. NIS final 2: 12 de dezembro;
  3. NIS final 3: 13 de dezembro;
  4. NIS final 4: 14 de dezembro;
  5. NIS final 5: 15 de dezembro;
  6. NIS final 6: 18 de dezembro;
  7. NIS final 7: 19 de dezembro;
  8. NIS final 8: 20 de dezembro;
  9. NIS final 9: 21 de dezembro;
  10. NIS final 0: 22 de dezembro.

Regras do Bolsa Família

Para se manter dentro do programa Bolsa Família, as famílias beneficiárias devem executar algumas obrigações nas áreas de saúde e instrução. São elas:

  • Realização do seguimento pré-natal;
  • Séquito do calendário pátrio de vacinação;
  • Séquito do estado nutricional das crianças menores de 7 anos;
  • Frequência escolar mínima de 60% para crianças de 4 a 5 anos e de 75% para beneficiários de 6 a 18 anos incompletos que não tenham concluído a instrução básica;
  • Manter o Cadastro Único atualizado pelo menos a cada 24 meses.

Demais, o Bolsa Família é um programa de extrema preço para milhões de famílias em situação de vulnerabilidade social no Brasil. Durante o termo do ano, é verosímil receber valores extras que complementam a renda mensal, auxiliando ainda mais essas famílias. É fundamental que os beneficiários estejam atentos ao calendário de pagamentos e cumpram as regras estabelecidas pelo programa.

Se você se enquadra nos critérios do Bolsa Família, verifique se tem recta aos valores extras e se programe para receber esse favor tão relevante. Através do Bolsa Família, o governo procura proporcionar um suporte financeiro para prometer melhores condições de vida e um horizonte mais promissor para milhões de brasileiros.

Advertisement
Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement