Expulso do Solidariedade por Evaldo Gomes, Dilson Resende se une a Silvio Mendes

Para o deputado estadual Evaldo Gomes, presidente do Solidariedade-PI, Dilson Resende, ex-chefe da executiva municipal, era uma espécie de “inimigo” infiltrado nas fileiras da agremiação. O suplente de vereador foi expulso este mês da legenda justamente sob a acusação de infidelidade partidária.

O Solidariedade, claro, quer todos os integrantes marchando junto com Fábio Novo, o pré-candidato petista a chefe do executivo teresinense. Segundo Evaldo, o ex-correligionário manifestava preferência por Silvio Mendes, pré-candidato a prefeito de Teresina pelo União Brasil.

Novo rumo

Bom… se realmente existia alinhamento entre os dois, mas não era público, agora é.  Resende e Silvio Mendes estiveram juntos nesta terça-feira, 06, selaram acordo e, de quebra, o suplente acertou filiação ao União Brasil.

A assessoria de imprensa de Mendes afirmou, em nota enviada à coluna, que Dilson “deixou o lado dos governistas alegando ter sido desrespeitado”.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading