Desenrola Brasil estende prazo e anuncia NOVAS REGRAS de renegociação de dívidas

As metas de ano novo de muitos brasileiros acaba de ganhar um impulso com as novas normas do programa Desenrola Brasil. A iniciativa tem como objetivo facilitar o acesso à renegociação de dívidas, e com as novas regras, mais pessoas poderão se beneficiar do programa.

De acordo com as mudanças anunciadas, o público-alvo do programa foi expandido. Anteriormente, apenas quem tinha certificação digital nível prata ou ouro podia participar. Agora, pessoas com nível bronze também podem se inscrever no Desenrola Brasil.

Prazo estendido e mais opções de negociação

Desenrola Brasil estende prazo e anuncia NOVAS REGRAS de renegociação de dívidas

Outra notícia importante é que o prazo para adesão ao Desenrola Brasil foi prorrogado até 31 de março. Portanto, quem tiver dívidas a negociar ganhou tempo extra para fazer uso do programa.

As novas condições estabelecidas abrangem também as dívidas que foram registradas como inadimplentes entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022. Isso significa que um número maior de devedores se enquadra nas regras do programa e pode buscar soluções para os seus débitos.

Para entrar no programa Desenrola Brasil, o primeiro passo é se cadastrar gratuitamente no portal do Governo Federal. Com o cadastro feito, já é possível iniciar o processo de renegociação das dívidas.

No entanto, é preciso ter atenção ao nível de certificação digital do cadastro. Para alcançar o nível Prata, é preciso fazer uma validação facial pelo aplicativo GOV.BR e realizar a conferência da foto na Carteira de Habilitação (CNH), ou a validação dos dados pessoais via internet banking de um banco credenciado.

Quem pode se beneficiar do Desenrola Brasil?

As novas regras do Desenrola Brasil destinam-se a beneficiar as pessoas com renda mensal de até dois salários mínimos, ou seja, R$ 2.640. Além disso, quem desejar renegociar suas dívidas através do programa deve estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico).

Com essa importante facilitação na renegociação de dívidas, espera-se que mais pessoas consigam colocar suas finanças em dia e tenham um 2023 mais equilibrado e sem preocupações financeiras extras.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies