Como alimentar 11 bilhões de pessoas até o final do século?

YouTube video

Como alimentar 11 bilhões de pessoas até o final do século? A pergunta foi base da tese de doutorado da estudante Carolina Thomaz Dalmeida, que encontrou a resposta no sorgo. Um alimento não convencional, tradicionalmente utilizado para ração animal, mas com grande quantidade de nutrientes benéficos também para o homem.

O sorgo tem baixa digestibilidade, ou seja, a quantidade de proteína absorvida por um organismo em relação à quantidade consumida.

A Embrapa estuda o cereal para consumo humano há mais de 15 anos. O alimento é importante para diversificar o sistema de produção.

Em A Força do Agro desta terça-feira, 13, o espectador vai conhecer o sorgo como alimento humano.

A Força do Agro

O agronegócio é o “Brasil que dá certo”. A grandeza e o potencial do setor, bem como desafios que devem ser superados, são abordados diariamente em A Força do Agro.

O agronegócio representa quase 30% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro e não para de crescer. As transformações do setor ocorrem em alta velocidade e impactam o mundo rural. O Brasil é o terceiro maior produtor de alimentos e nos próximos anos deve ser o principal fornecedor.

O agro está presente no dia a dia das pessoas, não apenas na mesa, mas na roupa, nos cosméticos, no transporte, na energia, na vida.

De segunda a sexta-feira, o programa leva informação e conhecimento ao internauta e tem o papel de conectar o campo à cidade, de uma maneira leve e descontraída.

Serviço

A Força do Agro

De segunda a sexta-feira

Às 19h50min, depois do Oeste Sem Filtro

Acompanhe também pelo Umbrella Mídia, com conteúdo exclusivo

Clique aqui para se inscrever

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading