Choquei nega responsabilidade em morte da jovem Jéssica

O perfil Choquei se pronunciou, neste sábado, 23, a respeito da morte de Jéssica Vitória Canedo, de 22 anos. A página divulgou um comunicado oficial, assinado pela advogada e ex-BBB Adélia Soares, em que lamenta o ocorrido e nega responsabilidade em relação à morte da jovem.

“Lamentamos profundamente o ocorrido e nos solidarizamos com os familiares e todos os afetados pelo triste acontecimento”, iniciou o perfil, que é uma uma conta nas redes sociais Instagram e Twitter elaborada pelo goiano Raphael Sousa Oliveira em 2014.
Em seguida, a nota nega irregularidades.

“Reforçamos nosso compromisso em agir com diligência e responsabilidade. O perfil Choquei (@choquei) por meio de sua assessoria jurídica, vem esclarecer a seus seguidores e amigos que não ocorreu qualquer irregularidade na divulgação das informações prestadas por esse perfil.”

A advogada do perfil afirmou que a página não tem responsabilidade pela morte da jovem, que lutava contra a depressão. não suportou a pressão e se suicidou depois ter conversas falsas sobre o suposto flerte, divulgadas na página de fofocas e em outro perfil, o Garoto do Blog.

“Cumpre esclarecer que não há responsabilidade a ser imputada pelos atos praticados, haja vista a atuação mediante boa-fé e cumprimento regular das atividades propostas. Em relação aos eventos que circulam nas redes sociais e que foram associados a um trágico evento envolvendo a jovem Jessica Vitória Canedo, queremos ressaltar que todas as publicações foram feitas com base em dados disponíveis no momento e em estrito cumprimento das atividades habituais decorrentes do exercício de direito à informação.”

Redes sociais bloqueadas

Na conclusão da nota, o perfil se diz comprometido com a legalidade.

“O compromisso deste perfil sempre foi e será com a legalidade, responsabilidade e ética na divulgação de informações dentro dos limites estabelecidos na Constituição Federal, em especial ao art. 5º, inciso IX. Por fim, reafirmamos nosso respeito pela intimidade, privacidade, bem-estar e pela integridade.”

O Choquei havia colocado Jéssica como o novo affair de Whindersson Nunes depois de vazamento de prints falsos que mostravam uma suposta conversa amorosa com o humorista.

Os dois negaram o flerte. “Eu não faço ideia de quem seja essa moça, e isso é um print fake”, rebateu Nunes, no dia da postagem da fake news.

Jessica não tinha perfil no Instagram, mas criou uma conta somente para denunciar os ataques que estava sofrendo.

“Cuidado com o que vocês falam”, destacou a jovem na ocasião. “Vocês não sabem como está o psicológico de quem está recebendo os xingamentos e as ameaças. Isso já passou muito além do limite. Nunca teve graça, mas agora está exagerando demais. Se passar por outra pessoa é crime! Vocês estão falando da minha aparência, da minha classe social, xingando minha família, ameaçando, me chamando de interesseira. Pensem nas consequências do que vocês estão fazendo.”

A morte de Jéssica causou revolta nas redes sociais. A internauta Paula Franco foi uma das que desabafaram contra a página.

“A mãe IMPLOROU para que TODAS as páginas parassem de postar a fake news porque a sua filha tinha depressão grave e simplesmente ignoraram o pedido da mãe !!! A culpa é de vocês !!! A menina tirou a vida por culpa de vocês sim !!!”

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading