China registra temperaturas a -50ºC, mais baixas em 64 anos

Depois que o norte da China registrou temperaturas abaixo de -50ºC, as menores em 64 anos, o governo chinês emitiu, nesta quarta-feira, 21, um alerta meteorológico para o sul, onde as temperaturas costumam ser amenas. Entretanto, uma onda de frio intenso recaiu também sobre o sul do país.

+ EUA batem recorde de sensação térmica de frio

A queda brusca de temperatura na região sul assustou as autoridades chinesas. O alerta laranja, que é o mais alto, foi renovado diante das temperaturas que podem cair na região de 6 a 12 graus até a sexta-feira 23.

A previsão do tempo é que em algumas regiões das Províncias de Guizhou, Hunan, Jiangxi e Guangxi — onde os termômetros já marcam abaixo de zero — as medições podem cair mais de 20 graus. As informações são do Centro Meteorológico Nacional da China.

+ China lança 1º satélite para testes de tecnologia 6G

Os especialistas pediram às autoridades locais que implementassem medidas de precaução contra o frio e que aconselhassem os moradores a se manterem aquecidos.

Onda de frio avança na China

Neve em Pequim
Autoridades estão preocupadas com a grande onda de frio no país | Foto: Twitter/X/@MarcReporting

A China está sendo atingida por uma intensa onda de frio extremo. No último domingo, na cidade de Tuerhong, no condado de Fuyun, localizado no extremo norte do país, a temperatura alcançou o ponto mais baixo já registrado nas medições. A temperatura caiu para -52,3ºC. Esse novo recorde superou a marca anterior de -51,5°C, registrada em 21 de janeiro de 1960.

As temperaturas em Pequim oscilaram em torno de zero na madrugada desta quarta-feira. Os moradores acordaram com a cidade coberta de branco após fortes nevascas durante a noite. O tráfego diminuiu nas vias expressas da cidade, enquanto as calçadas permaneciam escorregadias para os pedestres.

As autoridades municipais emitiram avisos para alertar os residentes sobre estradas geladas em algumas áreas. Também houve a emissão de um alerta de emergência por causa da aproximação do período festivo no país.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies