Brasileiros enviaram mais de US$ 2,1 bi ao exterior em 2023

Em 2023, os brasileiros enviaram US$ 2,1 bilhões (cerca de R$ 10,4 bilhões) ao exterior, superando o patamar do período pré-pandemia. De acordo com o Banco Central, o montante foi o maior da série histórica.

Os EUA continuam sendo o principal destino do dinheiro dos brasileiros, recebendo US$ 487 milhões (2,4 bilhões) em 2023 e US$ 426 milhões (R$ 2,1 bilhões) em 2022. Em seguida, está Portugal e Reino Unido no ranking dos países onde os brasileiros enviaram dinheiro no ano passado.

Especialistas ouvidos pelo jornal O Estado de São Paulo disseram que os motivos das transferências de pessoas físicas para o exterior é uma forma de proteger o capital diante das incertezas do cenário político-econômico do Brasil.

Além disso, outros motivos podem ser relacionados a gastos com educação e turismo, investimentos, mudança de país e transferência de dinheiro para familiares que moram no exterior. Dede 2014, os brasileiros enviaram US$ 17,5 bilhões (R$ 87 bilhões) ao exterior.

A popularização das carteiras digitais internacionais, como Avenue, Revolut, Wise, BS2 e Nomad também pode explicar a aceleração de envio de capital.

No fim de 2023, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou um projeto de lei aprovado pelo Congresso Nacional, que taxa fundos de investimentos no exterior, mais conhecidos como offshore.

Tal medida faz parte do esforço do Ministério da Fazenda, que pretende aumentar a arrecadação para perseguir a meta de zerar o déficit das contas públicas neste ano.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies

Descubra mais sobre Brasil em Pauta Notícias

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading