Banco Central corta Selic em 0,5 ponto percentual pela terceira vez

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

O Comitê de Política Monetária (COPOM) do Banco Central (BC) reduziu novamente a taxa de juros básica (Selic), em 0,5 ponto percentual (p.p).

O patamar da Selic estava em 12,75%. Com o corte, a taxa de juros foi para 12,25% ao ano, seu menor valor desde março de 2022.

A decisão do Copom era esperada pelo mercado, após os últimos dados sobre inflação e conjuntura internacional.

No último Boletim Focus, publicado nesta última segunda-feira, 30, a Selic para o final do ano estava em 11,75%.

Nesta mesma quarta-feira, o Federal Reserve, o Banco Central americano, decidiu manter o patamar das taxas básicas de juros entre 5,25% e 5,5%.

Todavia, após as falas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre o déficit fiscal para 2024, as previsões para as taxas de juros do ano que vem subiram em 0,25 p.p., para 9,25% ao ano, assim como a expectativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que subiu para 3,90% a.a.

Greve de servidores do Banco Central em dia de decisão de Selic

No mesmo dia da decisão do Copom sobre a Selic, servidores do Banco Central realizaram uma greve, que contou com a participação do presidente Roberto Campos Neto e de diretores.

A protesto foi realizado para reivindicar um bônus de produtividade e uma reestruturação da carreira dentro da autoridade monetária central.

copom reduz novamente selic juros

Além disso, há uma insatisfação no Banco Central com a suposta assimetria de remunerações que compõem o salário dos servidores e dos advogados.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informação

Política de Privacidade e Cookies
%d blogueiros gostam disto: